54 99651.6524|Horário de atendimento: Seg. a Sex. 8h30 às 12h e 13h30 às 18h30|54 3232.6434|Área restrita
Digital X

Perguntas Frequentes

Se o paciente já recebeu radiação X excessiva em outro exame, o dentista deve evitar novas radiografias?

Não. A Radiografia odontológica está baseada na necessidade de diagnóstico para o tratamento dentário e elas podem ser realizadas independentemente do histórico radiográfico do paciente.

Por que o paciente deve retirar brincos, correntes, prendedores de cabelo e próteses durante a radiografia?

O motivo para ficar isento desses tipos de adornos durante o exame é porque eles podem aparecer nas radiografias, isso, de certa forma, pode dificultar a visualização das estruturas anatômicas e do diagnóstico.

Por que o paciente deve usar o avental de chumbo durante o exame?

O uso de avental de chumbo durante as exposições reduz a radiação nas gônadas a quase zero para homens e mulheres. Por isso os exames radiológicos odontológicos não representam risco genético.
O avental de borracha plumbífera reduz a radiação secundária nos órgãos de reprodução. O colar de chumbo é usado como protetor para a tireoide e é recomendado mais para crianças e adultos jovens, onde a glândula permanece mais próxima ou dentro do feixe primário de radiação.

Se o paciente for criança, o pai ou mãe pode acompanhá-lo durante o exame?

Aconselha-se que no momento da realização dos exames radiográficos o paciente fique sozinho. Isso, para que o acompanhante não seja exposto aos Raios-X desnecessariamente. É justamente por esse motivo que o dentista e seus assistentes também não permanecem na sala onde a radiografia está sendo realizada.

Por que a paciente que está grávida ou com suspeita de gravidez deve adiar a radiografia?

O período de gestação é a fase de maior atividade reprodutiva das células embrionárias, sendo os três primeiros meses essenciais para a formação fetal. Nesse período as radiações ionizantes podem causar mutação.
As normas incluem utilização de barreira e diminuição da dose em qualquer fase da gestação, proporcionando maior segurança. O exame radiográfico não é contraindicado devido à gravidez, no entanto a decisão para uso do Raio X, se a paciente está grávida, é uma escolha individual.

Qual a quantidade de Raio-X que o paciente é exposto durante a Radiologia Odontológica?

A quantidade vai depender da técnica, equipamento, tipo de filme e fatores de exposição, mas é válido ressaltar que as radiografias odontológicas digitalizadas possuem uma dose muito baixa de radiação. A Digital X dispõe de toda a tecnologia necessária para minimizar os possíveis danos causados pelas radiações nos exames odontológicos. Desse modo, é possível afirmar que os riscos da Radiografia Odontológica são infinitamente menores do que os benefícios que o exame oferece.

Como funcionam os Raios-X e para que servem?

Um gerador emite um feixe de elétrons que colide contra os átomos. Dependendo do material do átomo, forma-se um tipo de imagem em duas dimensões, mais clara e mais escura. O raio ultrapassa o corpo e faz sombra onde colide, imprimindo a imagem no filme que está do outro lado. O aparelho só emite radiação quando está ligado. Geralmente, os exames de Raios-X são usados amplamente para verificar tórax, ossos e pulmões.

Contato

__________________

Agende o seu exame através do link abaixo
ou pelo telefone 54 3232-6434.

54 99651.6524

(os exames são realizados apenas com requisições)

SOLICITAR AGENDAMENTO

Como chegar

Site desenvolvido por Six interfaces